sexta-feira, 20 de junho de 2014

Sarah Affonso (1899-1983)

Auto-retrato (Museu do Chiado – Museu Nacional de Arte Contemporânea)
-
Meninas (1928, Museu do Chiado – Museu Nacional de Arte Contemporânea)
-
Prédios e Janela (1930, Centro de Arte Moderna)
-
Retrato de Matilde (1932, Centro de Arte Moderna)
-
Casamento na Aldeia (1937, Centro de Arte Moderna)
-
Sarah Affonso foi uma pintora e ilustradora nascida em Lisboa, em 1899. Viveu em Viana do Castelo entre os 4 e os 14 anos, regressando depois à capital portuguesa, onde decidiu estudar pintura na Escola de Belas-Artes, sendo aluna de Columbano Bordalo Pinheiro. Expôs, pela primeira vez, em 1923, na Sociedade Nacional das Belas Artes (SNBA), indo depois para Paris, onde viveu entre 1923-1924 e 1928-1929, chegando a expor no Salon d'Automne de 1928. No intervalo das estadas em Paris, esteve em Lisboa, tendo participado nos Salões de Outono de 1925 e 1926. Começou também a trabalhar nas artes decorativas e a fazer ilustração de livros infantis. No ano de 1930, participou na Exposição dos Independentes e expôs individualmente em 1932 e 1939. Entretanto, no ano de 1934, casou com o pintor Almada Negreiros. Participou na Exposição do Mundo Português, de 1940 e recebeu o Prémio Amadeo de Souza-Cardoso (SPN), em 1944. Contudo, pouco depois, afastou-se da actividade artística, apesar de ter continuado a trabalhar nas artes decorativas e de apoio a Almada Negreiros - como para a Moradia nº 28 da rua de Alcolena. Em finais dos anos 50, voltou a dedicar-se mais à pintura, tendo realizado ilustrações infantis, por exemplo, para A Menina do Mar (1958), de Sophia de Mello Breyner Andresen. Em 1953 participou na Bienal de S. Paulo, Brasil. Foram realizadas mostras retrospectivas da sua obra em 1953 e 1962 (em Lisboa e no Porto, respectivamente). Faleceu em 1983.
-
Cf.: Idalina Conde, «Sarah Affonso Mulher, de Artista» (Análise Social, 1995), Centro de Arte Moderna (GV, Julho de 2012), Infopedia e Wikipedia.
-
Sara Afonso, born in 1899 in Lisbon, was a brilliant painter and draughtswoman. She lived at Viana do Castelo between ages 4 and 14, eventually returning to Lisbon where she enrolled in the painting course at the Fine-Arts School, learning directly from Columbano Bordalo Pinheiro. She exhibited her work for the first time in 1923 at the Fine-Arts National Society (SNBA) moving to Paris where she lived between 1923-24 and 1928-29, exhibiting at the Salon d'Automne at 1928. While in Lisbon, she also exhibited in the Autumn Salons of 1925 and 1926. At this time, she also began her work on the decorative arts and illustrating children's books. In 1930, she participated at the Independents' Exhibit, and exhibited solo in 1932 and 1939. Meanwhile, in 1934, she married the famous painter Almada Negreiros. In 1940 she participated in the "Exposição do Mundo Português" and in 1944 was awarded with the Amadeo de Souza-Cardoso Prize. Yet, soon thereafter she parted with artistic activities, besides her work in decorative arts and technical and artistic support to Almada Negreiros. In the late 1950s, she returned her attention to painting, having made also some famous children's illustrations, like the illustrations to A Menina do Mar (1958), from Sophia de Mello Breyner Andresen. Still in 1953, she exhibited at the S. Paulo, Brasil, Bienal, with background exhibits of her work being presented in Lisbon in 1953 and in Oporto in 1962. She passed away in 1983.

2 comentários: